Cultura Organizacional

Fit cultural: como analisar durante o processo de recrutamento e seleção?

Time Goowit
Escrito por Time Goowit em 18 de junho de 2020
Fit cultural: como analisar durante o processo de recrutamento e seleção?
Não perca mais nenhuma novidade!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos para desenvolver suas habilidades

O processo de recrutamento e seleção é um dos mais importantes para uma gestão de pessoas eficiente. A escolha do profissional ideal para assumir um cargo na empresa deve ir além das capacidades técnicas dessa pessoa, levando em consideração o fit cultural.

No entanto, afinal, o que é fit cultural e como ele pode ser usado como parâmetro dentro de um processo seletivo? Como avaliá-lo? Essas e outras perguntas são respondidas neste post. Continue a leitura e entenda melhor o assunto!

Entenda o que é cultura organizacional

Podemos definir a cultura organizacional como o conjunto de crenças e valores que definem a maneira como uma empresa conduz os seus negócios. Ela fala sobre como os processos são conduzidos e dos relacionamentos internos, trazendo muito da identidade da corporação. Compreender a cultura organizacional é importante para que os funcionários tenham uma referência do comportamento a ser adotado e para a viabilização de estratégias que levem ao alcance dos objetivos.

Conheça o conceito de fit cultural

Entendendo melhor o que é cultura organizacional, é possível compreender como funciona o fit cultural. Esse conceito trata do alinhamento das características e dos valores dos profissionais com os da empresa.

Esse alinhamento leva em consideração as soft skills, ou competências emocionais. Quando essas habilidades vão ao encontro dos valores da organização, esse profissional tem plenas condições de alcançar uma boa adaptação ao ambiente de trabalho e de apresentar excelentes resultados.

Podemos usar um exemplo prático: em uma corporação com uma abordagem moderna, inovadora e voltada para a diversidade, dificilmente, uma pessoa com postura muito tradicional conseguirá se adaptar ao ritmo de trabalho ou terá uma boa convivência com os colegas.

Entender o fit cultural é importante para selecionar pessoas que tenham uma real identificação com esses valores. Assim, é possível evitar o turnover, auxiliando na formação de equipes mais coesas e ajudando a manter um clima organizacional positivo.

Saiba como avaliar o fit cultural

Algumas práticas podem ser adotadas para que o fit cultural seja devidamente analisado e identificado durante o processo seletivo, garantindo uma contratação mais acertada. Entenda as principais a seguir.

Conheça a cultura da empresa 

Para uma avaliação precisa do fit cultural, é necessário ter bem definidos qual é a cultura organizacional, quais os seus principais pontos e como essas características constroem a identidade e a maneira de trabalhar da empresa. A clareza em relação a esses aspectos ajuda a definir os parâmetros necessários para um recrutamento alinhado às necessidades corporativas.

Tais características podem ser incluídas no perfil de profissional ideal que será buscado pela empresa. Assim, são aplicadas durante o recrutamento (indicadas no anúncio da vaga) ou na seleção.

Faça testes

Testes de comportamento e avaliações psicológicas são ótimas ferramentas para avaliar o fit cultural dos candidatos. Esse tipo de análise traz à tona as características mais marcantes dessas pessoas, que podem estar alinhadas à cultura da empresa ou não.

Os testes podem ser aplicados online, já nas primeiras fases da seleção, para otimizar o tempo investido e identificar as pessoas que têm maior potencial para assumir a vaga. Uma excelente abordagem é o uso da metodologia DISC, que descreve quatro principais tipos comportamentais: dominante, influente, estável e conforme. Essa análise dá uma boa visão em relação ao profissional e ajuda a avaliar se há alinhamento com a cultura da empresa.

Realize uma entrevista comportamental

A melhor maneira de entender as motivações e os aspectos da personalidade de um profissional é por meio da entrevista comportamental. Algumas perguntas já têm uma resposta implícita e podem facilmente ser dominadas pelo candidato, como: “Você se dá bem com os colegas de trabalho?” e “Você tem facilidade para tomar decisões?”, entre outras questões.

Por isso, para que a entrevista traga resultados, é importante estruturar as perguntas de maneira neutra, sem que a resposta fique óbvia.

Promova dinâmicas de grupo

As dinâmicas de grupo, por serem lúdicas e bastante interativas, revelam aspectos dos colaboradores que, em alguns casos, passam despercebidos até por eles mesmos. Nesse tipo de atividade, determinadas características, como proatividade, espírito de liderança e capacidade de trabalho em equipe (apenas para citar algumas), são evidenciadas.

Esse tipo de atividade também mostra como as pessoas agem quando estão sob pressão e como interagem quando contrariadas ou em situações competitivas. Isso ajuda a avaliar a inteligência emocional e a ética.

Avalie o histórico

Analise o perfil das empresas nas quais o profissional já trabalhou e compare-o com o da sua organização. Se os valores são similares e esse candidato teve uma boa performance ou colaborou por um tempo significativo, é muito provável que tenha uma boa adaptação.

Avalie, também, o tipo de trabalho que era realizado. A pessoa pode ter trabalhado em uma empresa mais dinâmica, mas a sua função podia ter foco em atividades burocráticas, por exemplo.

Veja as perguntas que podem ser usadas para avaliar o fit cultural

Além de todas essas técnicas, você pode usar um questionário para entender se os valores do candidato estão alinhados com os da empresa. Vale a pena ressaltar que não se trata de um modelo pronto, ou seja, você tem a liberdade de escolher as questões que melhor atendam às necessidades da organização e da vaga. Confira:

  • O que o motiva no início de um dia de trabalho?
  • Qual foi o último livro de que você realmente gostou?
  • Do que você mais gostou na última empresa para a qual trabalhou? E do que menos gostou?
  • Como você lida com estresse ou prazos apertados?
  • Como você descreveria o seu grupo de amigos?
  • O que faz para se divertir?
  • Como seria o emprego dos seus sonhos?
  • Com quais valores da nossa organização você mais se identifica?
  • Como você lida com conflitos no ambiente de trabalho?
  • Como você mantém a organização de suas tarefas?
  • Qual foi a última vez em que você assumiu um risco na sua vida profissional?
  • Quem é a sua maior inspiração e por quê?
  • O que você pretende trazer para a empresa?

Conheça as vantagens de avaliar o fit cultural

Quando há desarmonia ou incompatibilidade com o fit cultural, a empresa e o candidato sofrem consequências. Por isso, ele é tão importante, pois ajuda a organização a identificar profissionais que apresentam uma alta performance e, ainda, tendem a permanecer mais tempo na empresa.

A seguir, listamos as principais vantagens de avaliar o fit cultural para que você entenda a importância desse elemento no momento da contratação. Veja! 

Eficiência na contratação

Avaliar o fit cultural ajudará a tornar a contratação mais eficiente. Você sabe muito bem o quanto o processo de recrutamento e seleção é longo, tendo em vista que é necessário analisar vários aspectos para garantir que você contratará a pessoa certa.

Do contrário, você terá prejuízos não só em relação aos custos de uma contratação malfeita, mas também em relação ao trabalho que terá para fazer uma nova seleção e ensinar o novo colaborador a executar tarefas. O fit cultural ajudará você a encontrar um profissional competente e que realmente esteja comprometido com os objetivos da empresa.

Com isso, existe a possibilidade de formar uma equipe coesa e que assuma a identidade do negócio, tornando os seus colaboradores cada vez mais preocupados com o futuro da organização.

Aumento da produtividade

Ser produtivo todos os dias não é algo tão simples. O problema disso é que quanto mais improdutivos os seus colaboradores estiverem, maiores serão as chances de eles apresentarem baixo desempenho e poucos resultados para o seu negócio. Isso se dá por vários motivos, e um dos principais deles é a falta de compatibilidade com o fit cultural da empresa.

Quando você avalia o fit cultural no momento da contratação, é possível contratar colaboradores que vestem a camisa do negócio e se sentem à vontade com os demais membros da equipe para expor as suas opiniões, apresentar propostas de melhorias e apontar possíveis falhas ao longo do processo.

Quando isso acontece, a produtividade aumenta, fazendo com que todo o time se sinta orgulhoso em fazer parte de uma organização que tem os mesmos valores que ele. Com isso, há melhora no desempenho e, consequentemente, nos resultados.

Redução do turnover

A avaliação do fit cultural permite que a empresa melhore a sua retenção de talentos, ampliando o tempo de permanência dos seus profissionais na organização. Além da concorrência por clientes, você também precisa estar atento para a concorrência em relação à busca de talentos. 

Infelizmente, não são todos os profissionais que são 100% comprometidos com o bom desenvolvimento de um negócio. Alguns acham que apenas cumprir as suas obrigações rotineiras é o suficiente, mas nós sabemos que um verdadeiro talento não faz só isso, ele vai além das expectativas e mostra todos os dias o seu comprometimento com a empresa.

No entanto, contratar funcionários com esse perfil só é possível com o desenvolvimento de métodos eficientes. Essas medidas devem mostrar que tal profissional tem as características necessárias para desempenhar um bom trabalho e, ao mesmo tempo, interesse em continuar contribuindo para o seu negócio por um longo tempo.

Maior engajamento dos colaboradores

Só quem trabalhou em um ambiente organizacional “pesado” sabe o quanto é prejudicial para a saúde emocional permanecer em um lugar assim. Além do estresse diário, há também a desmotivação que faz com que a produtividade dos colaboradores seja insuficiente para alcançar bons resultados. Com isso, a concorrência sai na frente e o seu negócio perde força de mercado.

Acredite: uma contratação errada pode contribuir para a desarmonia e para a desunião da sua equipe. No entanto, isso não acontece quando você avalia o fit cultural. Quando o fit da empresa e do novo funcionário combinam, há mais tranquilidade no ambiente de trabalho e facilidade na comunicação, fazendo com que a equipe trabalhe com mais prazer e sem desentendimentos. 

Tudo isso só é possível porque todos têm os mesmos valores e propósitos. Isso faz com que eles se entendam melhor e saibam como discutir as estratégias da empresa.

Melhora no clima organizacional

Quanto o fit cultural do candidato e o da empresa estão alinhados, os times passam a trabalhar com mais sinergia. Isso é possível porque todos têm as mesmas convicções e ideais, o que, por si só, facilita a comunicação e a interação entre todos os setores da empresa. Aquela “rixa” entre funcionários passa a ser coisa do passado e os colaboradores começam a ter mais afinidade entre si.

Tudo isso beneficia o clima organizacional da empresa, fazendo com que os seus funcionários tenham mais liberdade para impor as suas ideias. Além disso, há uma redução drástica no absenteísmo, uma vez que os colaboradores não se sentirão sobrecarregados e nem mesmo estressados com a rotina de trabalho. 

Fortalecimento da marca

Contratar funcionários que têm o mesmo fit cultural da sua empresa fortalece a sua marca no mercado. Já falamos aqui que, ao avaliar o fit cultural, é possível contratar colaboradores mais comprometidos com os resultados do negócio. Pois bem, isso é possível porque como eles têm os mesmos valores e princípios da sua empresa, eles se “apaixonam” pelo seu negócio e, com isso, não escondem a satisfação de fazer parte dele.

Estar entre as empresas em que os funcionários têm mais prazer em trabalhar faz com que a sua marca seja fortalecida no mercado. Isso acontece não só pelos potenciais talentos ainda não contratados, mas também pelos seus consumidores que, de alguma forma, querem fazer parte dela também.

Promoção do crescimento da empresa

O crescimento de uma empresa se dá por diversos aspectos, os quais estão relacionados ao atendimento ao cliente, às ações de marketing e, principalmente, ao desempenho dos seus funcionários. Sendo assim, ao chegarmos até aqui, podemos afirmar que, após todas essas vantagens listadas, o crescimento da empresa também é beneficiado.

Isso porque quando os funcionários “vestem a camisa”, é possível crescer de maneira sustentável e consistente, tendo em vista que as soluções para os problemas serão encontradas com mais facilidade, uma vez que o seu time está preparado e motivado para criar estratégias que auxiliem a empresa a alcançar o resultado desejado.

Com uma compreensão melhor sobre o que é o fit cultural e sobre como ele pode ser avaliado durante o processo seletivo, é possível fazer uma gestão de pessoas muito mais acertada, capaz de trazer e manter os talentos que realmente vão agregar às equipes e terão engajamento na realização das tarefas.

Gostou do conteúdo? Então, compartilhe-o nas suas redes sociais e ajude-nos a disseminar esse conhecimento!

Goowit Company - Cadastre sua empresa

o que você achou deste conteúdo?

Conte nos comentários.